Um dos períodos preferidos do ano se aproxima: as férias de julho. E mesmo que o recesso do meio do ano seja menor, muita gente aproveita para viajar. Mas, apesar da diversão à vista, alguns pontos costumam preocupar os viajantes antes do embarque. Um dos principais é a mala, especialmente as mais compactas, para evitar o pagamento de taxas extras.

O Hoje em Dia reuniu algumas dicas escolhidas no Pinterest que prometem fazer muita diferença para quem quer montar malas organizadas, enxutas e com todos os itens necessários para uma viagem sem dores de cabeça.

Liste suas necessidades

Uma das dicas mais valiosas é listar tudo o que vai precisar durante a viagem e, depois da lista pronta, reflita sobre o que realmente vai usar. Muitas vezes os itens "reserva" são os que ocupam espaço na mala. Uma coisa que ajuda neste primeiro passo é colocar todos os itens da lista sobre a cama para visualizar tudo e descobrir o que você pode estar levando sem necessidade.

Roupas em rolos

Enrolar as roupas que você vai levar ao invés de dobrá-las do jeito que ficam no guarda-roupas é um ótimo jeito de economizar espaço. No YouTube, há vídeos para todos os gostos sobre como dobrar roupas. Veja alguns:

 

 

Miniaturas

Evite levar itens de higiene pessoal - como shampoos, cremes, sabonete líquido, perfumes etc - nas embalagens originais. Uma boa dica é investir em embalagens menores, etiquetá-las e transferir parte do conteúdo. 

Mas atenção às regras de segurança da Agência Nacional de Aviação (Anac). Para voos internacionais, existe restrição para o transporte de quaisquer líquidos e géis que estiverem em embalagens com mais de 100ml e o limite máximo de líquidos a ser transportado deve caber em uma embalagem plástica transparente de no máximo 1 litro com fechamento hermético (tipo ziplock). 

Todos os líquidos e géis devem estar acondicionados na embalagem plástica de forma a facilitar a inspeção pelo agente de proteção. Lembre-se de que líquidos considerados perigosos não podem acessar as áreas restritas de segurança, mesmo em quantidade inferior a 100ml.

Mala de mão

Para quem vai viajar por menos tempo e quer economizar na hora de despachar a bagagem, ou mesmo deseja transportar menos volume, as malas menores são a melhor opção, mas a dificuldade começa na hora de fazer tudo caber em um espaço pequeno.

Mesmo despachando uma bagagem, ainda é importante ter uma mala de mão, já que itens de valor e eletrônicos devem estar dentro da cabine e é interessante ter espaço para levar artigos que farão sua viagem mais confortável.

A dica para esta bolsa é levar uma muda de roupa extra - incluindo roupas íntimas -, fones de ouvido, máscara de dormir, cachecol e alguns snacks, como biscoitos e barrinhas de cereal.

Segundo a Anac, há algumas restrições sobre o que pode ser levado na bagagem de mão. Confira a lista:

  • Armas de fogo, de pressão, de choque elétrico ou químicas (inclusive réplicas ou de brinquedo), estilingue, sprays de pimenta, ácidos ou neutralizantes.
  • Objetos pontiagudos ou cortantes, como machados, picadores de gelo, estiletes, equipamentos de artes marciais, navalhas, facas, tesouras, canivetes ou instrumentos multifuncionais com lâminas superiores a 6 cm.
  • Ferramentas de trabalho, tais como pés de cabra e alavancas similares, furadeiras e brocas (inclusive portáteis e sem fio), chaves e fendas e cinzéis com lâmina ou haste superior a 6 cm, serras (inclusive portáteis ou sem fio), maçaricos, martelos, marretas, pistolas de pregos (e similares), dispositivos de alarmes.
  • Substâncias explosivas, incendiárias ou inflamáveis. Exemplos: explosivos, munições, espoletas, fusíveis, detonadores, estopins, minas, granadas ou similares, fogos de artifício, cartuchos geradores de fumaça, dinamite, pólvora, pós metálicos e similares, líquidos inflamáveis, aerossóis, gases inflamáveis, isqueiros do tipo maçarico, repelentes de animais em aerossóis.
  • Substâncias químicas, tóxicas e outros itens perigosos: cloro, alvejantes líquidos, baterias com líquidos corrosivos derramáveis, mercúrio, ácidos, venenos, materiais infecciosos e radioativos.