O percussionista carioca Paulo Humberto Pizziali, da banda Barão Vermelho, mais conhecido como Peninha, morreu na tarde desta segunda-feira (19), aos 66 anos, no Hospital da Lagoa, no Rio. A causa da morte não foi informada.

"Queridos amigos e familiares, é com pesar que venho comunicar que o pai dos meus filhos, Paulo Humberto Pizziali, mais conhecido como Peninha, faleceu agora", escreveu a ex-mulher do músico, Ana Tereza Lima Soler, em rede social. 

Em 1986, após a saída de Cazuza, Peninha ingressou no Barão Vermelho, com o qual já tinha gravado anteriormente, ao lado do guitarrista Fernando Magalhães, participando de discos como "Rock n Geral" e "Carnaval".
 

Peninha, percussionista do Barão Vermelho, morre no Rio aos 66 anos

Peninha, do Barão Vermelho, de óculos escuros, o quarto da esquerda para a direita