A 2ª “Virada Cultural de Belo Horizonte” já está com 467 atrações confirmadas. Realizada entre as 19h de sábado (30) e as 19h de domingo (31), a festa será realizada em nove palcos e 53 espaços espaços culturais da cidade. Na programação, há atrações de todas as áreas (música, artes cênicas, patrimônio, literatura, cinema etc), como foco especial para artistas mineiros.
 
A festa deve demandar quase R$ 3,2 milhões, sendo R$ 1,74 milhão de investimento da Prefeitura de Belo Horizonte, e o restante de parceiros (como o Sesc Palladium, a Petrobras, o Centro Cultural Banco do Brasil, a Academia Mineira de Letras, Fundação Clóvis Salgado, entre outros). Como o edital promovido pela Fundação Municipal de Cultura é destinado a artistas locais (foram 1280 inscrições e 130 selecionados), as atrações nacionais são trazidas pelos parceiros. Entre eles, Diogo Nogueira, Raimundos, Orquestra Sinfônica Arte Viva (com Toquinho) e Dona Onete. Mas a festa conta também com mineiros famosos, como Aline Calixto, Lô borges, Fernando Sodré, Chico Lobo, Graveola, Eminence, Giramundo, Mimulus etc. 
 
A grande novidade é a criação de um palco na rua Guaicurus, bem no centro da famosa região de prostituição. Ali, o foco será dado para a música brega e o trabalho de artistas transgêneros. A programação variada traz shows de Marcio Greik, grupo carnavalesco Baianas Ozadas e a Orquestra Mineira de Brega. Ali também serão expostas fotografias de prostitutas da região captadas pela artista Bianca Aun. 
 
Outro destaque é a tela de cinema que será montada no Parque municipal, com filmes brasileiros e uma sessão Chaplin (com os filmes “O Garoto” e “Vida de Cachorro”). E quem quiser amanhecer curtindo a festa, terá a oportunidade de tomar um café da manhã comunitário na Praça da Estação (à partir das 8h). No mesmo horário, haverá um encontro de 15 bandas tradicionais da capital e da região metropolitana. 
 
De acordo com o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Leônidas de Oliveira, embora não tenha havido qualquer caso de violência registrado na Virada do ano passado, houve um pedido para que a segurança fosse reforçada pela Polícia Militar e a Guarda Municipal. Houve um pedido também para que a limpeza seja feita em toda a Virada, e não apenas a partir das 6h de domingo. 
 
Confira a programação completa no site http://www.viradaculturalbh.com.br/