Um novo show, com nova formação e... “músicas novas”, enfatiza Marcos Frederico, referindo-se à apresentação que fará neste domingo, no Café com Letras (Rua Antônio de Albuquerque, 781, Savassi). A partir das 19h30, o músico entrará em cena ao lado de Bruno Vellozo (no baixo), Carlos Walter (violão) e Felipe Bastos (bateria). É com muita disposição. “Gosto de tocar em locais intimistas, podemos ficar mais próximos do público, dividir o ‘calor’ do show”, diz o instrumentista.
 
O repertório, lembra Frederico, está recheado de composições próprias. “Destacaria as novas ‘Procurando Django’, parceria minha com o Rômulo Marques, e ‘Gitana 220’, as duas com uma forte influência do jazz cigano. Tocaremos também Luperce Miranda, Pixinguinha, Carlos Gardel e Toninho Horta”, diz ele, que, no momento, se dedica também ao novo disco, que está sendo preparado junto a Rogério Delayon. “A novidade é que são dois ukuleles. Eu e ele, cada um com o seu ukulele, tocando músicas nossas. Paralelamente, virá um álbum de canções com Lucas Fainblat, que está no forno também”, adianta.
 
Nascido em Belo Horizonte, Marcos Frederico estudou violão e teoria musical na Fundação Clóvis Salgado. Em janeiro do ano passado, lançou seu terceiro álbum, intitulado “Entoando Loas”, sucessor de “Sinuca Tropical” (2007) e “Onze” (2011).
 
Integrado à cena instrumental contemporânea, Marcos Frederico bebe na tradição, mas dá ao choro atualidade e originalidade que garantiram ao seu trabalho, que ele apresenta agora no Café com Letras, elogios do público e da crítica.
 
 
Lugó e Sereno
 
Nesta sexta-feira (25) e neste sábado (26), os paulistanos Márcio Lugó e Edu Sereno apresentam o show “Esquinas, Amigos e Canções” na sala Juvenal Dias, do Palácio das Artes (av. Afonso Pena, 1.537), às 21h. O repertório do espetáculo traz as canções dos CDs “Liberdade Aparente”, segundo disco de Lugó, e “Esquinas, Janelas e Canções”, primeiro EP de Sereno.
 
As apresentações contam com dois nomes da chamada “nova cena musical brasileira”, Pedro Morais (sexta) e Gustavito (sábado). Os ingressos custam: R$ 20 ou R$ 10 (meia).