Natureza e moda em comunhão na apresentação do estilista mineiro Victor Dzenk, que abriu, nesta terça-feira (9), na Praça das Águas, no Parque das Mangabeiras, o segundo dia de Minas Trend Preview, edição verão 2014. Com cenário idílico da Serra do Curral ao fundo, Aline Calixto, cantora e amiga do estilista, entoou ao vivo e em cores "Um ser de luz", de João Nogueira, e imprimiu nova roupagem a "Conto de Areia", música cantada por Clara Nunes, fonte de inspiração de Dzenk.

Da musa que disseminou a música afro e o samba, o estilista se apoderou da modelagem afastada do corpo em vestidos longos e kaftans semelhantes à roupa usada pela cantora. A flor usada na vasta cabeleira da "Morena de Angola" por hora foi substituída por charmosas casquetes de pedaços de tecido recortados.  

Uma Clara Nunes contemporânea foi idealizada por Dzenk que aboliu o branco, cor preferida da cantora, e alegrou a coleção com motivos de sabiás, flores do campo, por-do-sol, pavão e flamboyans gigantes. Os desenhos foram recriados no jérsei, cetim, seda, triacetato, linho, malha prene, gaze de seda, entre outros tecidos nobres, e originaram série de vestidos, carro-chefe da coleção, calças tipo pijama, maiôs, blazers e até legging, que diga-se de passagem, conferiu contemporaneidade aos looks com aposta na sobreposição.

Dessa vez, o clima de romantismo arrefeceu a exuberante estamparia digital, traço marcante do trabalho do estilista, por conta da escolha da cartela pontuada por lima da terra,azul oceano, rosa flamboyan, cenoura e cáqui. Além disso, a aplicação de tule, elemento revelador de sensualidade, reforçou a ideia de fantasia uma vez que recortes estampados davam a impressão de ficar soltos sobre o corpo das modelos.