O número de internações e casos confirmados de Covid-19 de crianças e pré-adolescentes de até 12 anos em Belo Horizonte está em franca ascensão em Belo Horizonte. Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde de BH (SMS), somente nos primeiros dias de março, um total de 16 pacientes desta faixa etária foram constatados com a contaminação do novo coronavírus na capital mineira. Entre janeiro e fevereiro, o número de infectados de até 12 anos dobrou – em janeiro foram 8 e no mês passado o número chegou a 16.

Segundo os dados da SMS, em dezembro do ano passado sete pacientes diagnosticados com a Covid-19 em BH tinham até 12 anos. O secretário municipal de Saúde, Jackson Machado Pinto, afirmou que  a situação é preocupante e que a faixa etária média dos internados nas UTIs de BH está diminuindo. “No começo da pandemia, os casos eram mais concentrados nos idosos, mas agora o perfil está mudando. Estamos com crianças nesta situação”, explicou o secretário.

Outra preocupação da SMS é em relação do aumento de pessoas de até 12 anos internadas com casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Os números vem crescendo mensalmente. Em dezembro, 35 casos de SRAG foram atendidos nos leitos pediátricos da capital. Em janeiro, o número chegou a 60 e saltou para 132 em fevereiro.