A ocupação dos leitos de enfermaria para pacientes adultos com Covid-19, em Belo Horizonte, voltou a atingir a casa dos 90%. O aumento é de 8 pontos percentuais, em comparação com o último boletim divulgado pela Prefeitura de BH, na última sexta-feira (28), que apresentava 82% de ocupação.

A última vez que BH passou de 90% de internados nas enfermarias Covid foi em 25 de janeiro. Na última semana, a taxa de ocupação havia sido freada em função da abertura de 45 novos leitos entre quarta (26) e quinta (27), e mais seis leitos na sexta (28).

UTI

Já a ocupação dos leitos de UTI para Covid-19 na capital passou de 84,4% para 85,4% nesta segunda.

O número médio de transmissão por infectado, o chamado RT, apresentou leve queda, passando de 1,12 em para 1,10. O indicador segue na faixa amarela, considerada nível de alerta intermediário.

Mais 122 leitos

Na última quinta-feira (27) o governador Romeu Zema (Novo) declarou que 122 novos leitos exclusivos para a Covid-19 serão abertos na capital. Segundo ele, serão 20 leitos de UTI (10 pediátricos e 10 adultos) e 102 de enfermaria.

Os 102 novos leitos de enfermaria serão abertos em hospitais da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) em BH.

Leia também:
Disseminação da Ômicron deixa mais de 530 crianças doentes por dia em Minas

Baccheretti espera pico da pandemia em Minas nesta terça, com quase 50 mil casos em 24h