Mais de 2,5 milhões de mineiros que já poderiam receber o reforço da vacina contra a Covid-19 ainda não tomaram a terceira dose. A informação é do secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.

“Temos dose de adultos sobrando no Estado e, por isso, temos que incentivar a vacinação”, afirmou o gestor, em entrevista coletiva na Cidade Administrativa nesta quinta-feira (27).

Segundo o vacinômetro, painel de monitoramento da Secretaria de Estado de Saúde (SES), cerca de 4,6 milhões de pessoas foram contempladas com o reforço no território. Ao todo, são 16,7 milhões de moradores imunizados, e 15,3 milhões com duas doses. A Janssen foi administrada em 501 mil cidadãos. 

Mais vacinas

De acordo com o secretário, o Estado tem 958 mil doses de vacinas disponíveis para serem aplicadas nas crianças. A expectativa é que novas remessas de CoronaVac e Pfizer chegem ao território na próxima semana. 

“A expectativa do estado de Minas é que toda a criança de 5 a 11 anos esteja vacinada com uma dose em fevereiro. Mas isso só vai acontecer se os pais e responsáveis entenderem que a vacina é segura e a única saída que nós temos para a pandemia”, completou.

Leia mais:

Em Minas, 78% dos pacientes internados com Covid não tomaram nenhuma dose da vacina
Zema e secretário de Saúde falam sobre a situação da pandemia em Minas; assista na íntegra