O número de cidades mineiras em situação de emergência por conta das chuvas que atingem o território subiu para 406, conforme boletim divulgado nesta terça-feira (25) pela Defesa Civil Estadual. Até essa segunda-feira (24), eram 402.

Ao todo, 7.765 mil moradores estão desabrigados, ou seja, necessitam de abrigo público, como habitação temporária, em função de danos ou ameaças de danos em seus imóveis. Outros 48.621 estão desalojados, se abrigando em casa de parentes ou amigos.

Desde 1º de outubro, 25 pessoas morreram por consequência das tempestades no território mineiro. Os óbitos da tragédia de Capitólio, no Sul de Minas, não serão computados até o fim da investigação.

Segundo a Defesa Civil, até o fechamento do boletim, a Coordenadoria Estadual não recebeu nenhum comunicado referente a desastres ou eventos adversos ocorridos no estado nas últimas 24 horas. Em caso de emergência, o contato para socorro é o 199.

Previsão do tempo

Nesta terça, o ar quente e úmido continental mantém as temperaturas elevadas com máximas acima dos 30ºC em todas as regiões do Estado. Chuvas típicas de verão devem ocorrer em praticamente todo o território. Não se descarta chuva forte no Vale do Jequitinhonha, no Sul e Triângulo. Ao longo da semana, a tendência é de calor e pancadas de chuva, inclusive na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Leia mais:

Três anos após tragédia, uso de antidepressivos e tentativas de suicídio disparam em Brumadinho
BR-381, saída para o litoral e mais 100 locais: veja os pontos de interdição nas estradas de Minas