Um motorista com suspeita de embriaguez, levando a esposa e a filha de três anos, não obedeceu a uma ordem de parada em um blitz, fugiu, foi perseguido e causou um grave acidente MGC-497, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, na noite de sexta-feira (21).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o condutor de 41 anos estava numa Parati e tentou fugir da blitz após ser convocado por um militar. A Polícia Militar desencadeou uma operação de cerco e bloqueio. 

Após aproximadamente 8 km de perseguição, o homem perdeu o controle da direção e bateu em um outro veículo, um Palio, ainda MGC-497, na altura do bairro Jardim Europa. 

A esposa do motorista, de 23 anos, ficou presa às ferragens, com suspeita de fratura de pelve e diversas escoriações, sendo encaminhada ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia. 

O motorista embriagado, a criança filho dele, e o condutor do outro carro foram socorridos por terceiros para o pronto-socorro da UAI do bairro Planalto. 

Após atendimento, o homem que fugiu da polícia foi preso em flagrante por embriaguez ao volante e encaminhado para a delegacia de plantão.

Leia também:
Zema confirma que Minas ira utilizar Coronavac para vacinar crianças contra Covid
Moradores são evacuados de prédio no Santo Antônio após incêndio em veículos na garagem
Consumidores de três cidades da Grande BH ficam sem água neste sábado; confira a lista