O governador Romeu Zema (Novo), via redes sociais, confirmou neste sábado (22) que Minas Gerais irá vacinar crianças com os imunizantes Coronavac. O Estado irá utilizar 400 mil doses que estão estocadas para imunização desse público. 

O executivo estadual tomou a decisão após o Ministério da Saúde informar que vai incorporar a vacina contra o coronavíruso do laboratório Sinovac na campanha nacional de imunização. 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já havia autorizado desde quinta-feira (20), para crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, com veto a imunossuprimidos.

A decisão após análise do segundo pedido apresentado pelo Instituto Butantan para liberação do imunizante. O instituto buscava licença para imunizar a faixa a partir de 3 anos, mas a agência optou por aguardar até que mais estudos sejam apresentados sobre crianças abaixo dos 6.

Contaminação em Minas

Janeiro será o mês com mais contaminados pelo coronavírus em Minas. O recorde do pico de casos pode ocorrer já neste sábado devido à disparada de infecções provocadas pela variante Ômicron. Mesmo defendido por alguns especialistas, um recuo nas flexibilizações não está na pauta de governo do Estado.

Dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) indicam março de 2021 com o mês com mais doentes desde o início da pandemia. Foram 245 mil testes positivos. Porém, apenas nos 21 dias de 2022 já são 239 mil. Desde terça-feira, 20 mil novos casos são registrados a cada 24 horas.

Leia também:
Consumidores de três cidades da Grande BH ficam sem água neste sábado; confira a lista
Moradores são evacuados de prédio no Santo Antônio após incêndio em veículos na garagem
Motoristas ainda encontram 105 pontos de interdição em rodovias mineiras; saiba onde