Onze bairros em São Joaquim de Bicas, na Região Central de Minas, estão parcial ou totalmente ilhados neste domingo (9) por conta das chuvas que atingem a região. Segundo a prefeitura, todas as ocorrências são acompanhadas pela Defesa Civil e Corpo de Bombeiros.

Segundo o prefeito Augusto Resende Maia (DEM), "os córregos que cortam a cidade estão muito cheios, e com a alta do nível do Paraopeba, não conseguem mais dar vazão e transbordam". A prefeitura está distribuindo lonas e coberturas na assistência humanitária, e abriu a unidade Central do Cras no município para receber os desabrigados. O local fica na rua Coronel Gervásio Lara, 873 – bairro Tereza Cristina.

O prefeito explica que centenas de moradores podem ter que deixar as casas. A recomendação para aqueles que moram próximo às margens do rio Paraopeba é que "organizem os seus documentos, acionem imediatamente a Defesa Civil e preparem-se para a evacuação imediata de suas casas". 
"A nossa maior prioridade é garantir a segurança e a integridade física dos nossos moradores. Portanto, não permaneça em locais com risco de alagamentos, desabamento de muros, quedas de encostas e barrancos", reforçou a prefeitura.

No começo da tarde deste domingo, o nível do Paraopeba já está perto da ponte, mas, por enquanto, o trânsito não foi afetado.

Leia mais:
Desaparecidos em Capitólio são pai e filho e apenas um dos oito corpos foi identificado
Transbordamento do Rio das Velhas deixa ponte submersa e moradores ilhados em Raposos, na Grande BH