O feriado prolongado de fim de ano foi menos violento nas rodovias que cortam Minas. De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), foram menos acidentes e mortes ao longo dos mais de 30 mil km de rodovias acompanhados pela corporação na passagem de 2021 para 2022. O balanço foi divulgado na manhã desta segunda-feira (3).

Ainda segundo a PMRv, a ação foi executada entre 31 de dezembro e 2 de janeiro. O número de agentes foi reforçado, assim como as operações de blitz e lei seca. No total, 4.618 pessoas foram abordadas pela corporação nesse feriado - 64 a mais que no feriado 2020/21.

Três pessoas morreram em acidentes nas rodovias atendidas pela PMRv, conforme o balanço, e 19 acidentes terminaram com vítimas, além de outros 11 sem feridos. O número também é menor que o registro anterior de fim de ano - 31 acidentes e cinco mortes em 20/21. 

Embriaguez

Por outro lado, foram mais casos de embriaguez e documentos de habilitação recolhidos neste feriado, na comparação com o anterior. Somadas, as ocorrências totalizam 81 casos, contra 62 no feriado 2020/21. No total, foram realizados 655 testes do bafômetro, que levaram à remoção de 33 veículos.

Leia mais:
Motoristas encaram lentidão nas rodovias mineiras na volta para casa após feriado prolongado
Combustível encerra 2021 custando até 66% a mais que o registrado no início do ano