A ex-deputada federal por Minas Gerais, Sandra Starling, morreu, na noite dessa terça-feira (14), em Belo Horizonte. Ela tinha 77 anos e estava internada da capital mineira, após uma crise convulsiva. Conforme a família, ela sofreu uma parada cardíaca na unidade de saúde e não resistiu.

Uma das fundadoras do Partido dos Trabalhadores (PT), Sandra foi a primeira candidata da sigla ao governo de Minas, em 1982. Foi eleita deputada estadual e federal por dois mandatos, sendo a primeira mulher a exercer o cargo de líder. Em 2010, ela se desfiliou do partido.

Conforme informou a direção do PT em Minas, Starling também atuou como sindicalista, foi professora universitária e exerceu o cargo de secretária municipal de Educação quando Patrus Ananias foi prefeito de BH. 

Por meio de uma publicação no Twitter, o PT lamentou a morte de Sandra e prestou sentimentos aos familiares. 

Leia mais:
Minas registra seis óbitos e 459 novos casos de Covid em 24 horas
Zema celebra pagamento do 13º salário aos servidores feito em parcela única nesta quarta
Fundadora do PT, Sandra Starling morre aos 77 anos em BH