A taxa de ocupação dos leitos de enfermaria destinados ao tratamento de pacientes com Covid-19 aumentou em Belo Horizonte. De acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado pela Prefeitura nesta terça-feira (14), 47,9% do espaços reservados estão preenchidos. O aumento é de quase 8% em relação ao informe de segunda-feira (13), quando foi registrada ocupação de 40,3%.

Já os leitos de UTI exclusivos para pacientes com Coronavírus estão com 41,5% da sua capacidade total ocupada. O dado representa queda em relação ao último boletim, quando foi registrada 42,4% de vagas ocupadas. 

A taxa de transmissão da doença permanece estável na cidade pelo segundo dia consecutivo. Ela é representada pelo índice RT, que, nesta terça,  aponta que a cada 100 infectados, outras 97 pessoas podem ser contaminadas. O ideal é que esse valor fique abaixo de um.

Desde o início da pandemia do novo Coronavírus, a capital mineira já registrou 293.938 casos confirmados; 734 estão em investigação; e 7.060 pessoas morreram em decorrência da doença.

Vacinação
Até o momento, 1.925.522 moradores de BH já foram vacinados com a segunda dose ou dose única (Janssen). O número total de imunizados nesta terça-feira, com pelo menos uma dose, é de 2.141.171. Já 364.549 receberam dose de reforço.

 

Boletim Covid-19 PBH 14/12Índice RT aponta que a cada 100 infectados, outras 97 pessoas podem ser contaminadas

 

Leia também
STJ nega recurso e mantém processo do rompimento da barragem de Brumadinho na Justiça Federal
Governo de Minas começa a distribuir mais de 323 mil doses da vacina Janssen; BH receberá 39.765