O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), afirmou que irá enviar à Assembleia Legislativa (ALMG), nesta segunda-feira (13), um projeto que limita o reajuste do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) ao índice da inflação IPCA. A informação foi compartilhada nesse domingo (12) por meio do Twitter. 

Segundo Zema, a medida tem como objetivo amenizar os impactos da crise e da pandemia “no bolso dos mineiros”. “Com isso, impediremos que a valorização dos veículos usados, registrada nos últimos meses, reflita no IPVA no próximo ano, aliviando os efeitos econômicos deste difícil período que juntos estamos vencendo”, diz a publicação. 

Ainda de acordo com o governador, se comparado a 2021, o valor do imposto do ano que vem teria correção máxima de 10,6%, ao invés de 22,8%, que seria dado pelo aumento no valor dos veículos por meio da tabela Fipe.

Leia mais:
Zema visita cidades afetadas pelas chuvas nos vales do Mucuri e Jequitinhonha em Minas
Projeto de Lei propõe congelamento do IPVA por conta da pandemia em Minas; entenda
'A mineiridade é nosso maior produto', defende o secretário de Cultura e Turismo Leônidas Oliveira