A Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura, Desporto, Lazer e Turismo da Câmara Municipal de Belo Horizonte anunciou nesta quinta-feira (18) a criação de um grupo de trabalho para estudar as condições para a realização do carnaval na capital em 2022. Além dos integrantes da comissão, os vereadores Bella Gonçalves (Psol), Gabriel Azevedo (sem partido) e Léo Burguês (PSL) também farão parte do grupo.

De acordo com a relatora da comissão, a parlamentar Marcela Trópia (Novo), as reuniões do grupo contribuirão para que a festa possa acontecer de forma “organizada e planejada”.

Durante o período de trabalho do grupo, serão analisadas questões culturais e econômicas relativas ao carnaval. A ideia é debater sobre o percentual de imunização necessária; os impedimentos para a concentração de pessoas num só local; o apoio do poder público ao evento; os prazos para a realização de ensaios; e a possibilidade de eventos fechados.

Leia também
Governo reduzirá impostos sobre importação de absorventes e fraldas
Defensoria Pública da União aciona Justiça para pedir explicações ao Inep sobre segurança do Enem