Belo Horizonte vai vacinar, nesta terça-feira (9), os moradores de 67 anos com a terceira dose da vacina contra a Covid-19. Para receber o reforço do imunizante a pessoa deve comparecer a um ponto de vacinação levando um documento com foto, CPF, cartão de vacina e comprovante de endereço.  Poderão tomar a dose de reforço aquelas pessoas cujo prazo de aplicação da segunda dose seja de seis meses completos ou que faltem até 15 dias para essa data. 

Ao longo desta semana, a capital mineira vai concluir o esquema de vacinação contra a doença em todos os moradores com mais de 18 anos. Nesta segunda (8), foi imunizado o grupo de pessoas de 23 anos. Só poderão tomar a segunda dose quem tenha, no mínimo, oito semanas entre as aplicações.

O horário de funcionamento dos locais de vacinação é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, para pontos fixos e extras, e das 8h às 16h30 para o drive-thru (veja aqui os endereços). 

Há também quatro pontos de vacinação com horário noturno. Os públicos elegíveis para se vacinar nesse período são exclusivamente os convocados para o dia em questão. Confira os endereços: 

  • UFMG Campus Saúde (Escola de Enfermagem): avenida Professor Alfredo Balena, 190 - Santa Efigênia – Funcionamento das 12h às 20h;
  • Faculdade Pitágoras: rua dos Timbiras, 1.375 - Funcionários – Funcionamento das 8h às 20h;
  • UNA-BH: rua Aimorés, 1.451 - Lourdes – Funcionamento das 8h às 20h;
  • Faminas-BH: avenida Cristiano Machado, 12.001 - Vila Clóris – Funcionamento das 8h às 20h.

Terceira dose

As pessoas com menos de 89 anos que tomaram a AstraZeneca ainda não devem comparecer aos locais de vacinação e devem aguardar o intervalo para tomar a dose de reforço. 

Confira o cronograma desta semana:

  • Segunda-feira (8): segunda dose para pessoas de 23 anos
  • Terça-feira (9): dose de reforço para pessoas de 67 anos
  • Quarta-feira (10): dose de reforço para pessoas de 66 anos
  • Quinta-feira (11): dose de reforço para pessoas de 65 anos
  • Sexta-feira (12): dose de reforço para pessoas de 64 anos

Leia também
Taxa de transmissão da Covid em Belo Horizonte segue em queda; capital permanece em nível verde
Minas tem 56% da população com o esquema vacinal contra a Covid-19 completo