As fortes chuvas registradas em Belo Horizonte na noite desta segunda-feira (1º) causaram transtornos aos motoristas. Segundo a Defesa Civil, houve diversos pontos de alagamento espalhados pela cidade. 

A avenida Teresa Cristina, no Barreiro, ficou alagada após transbordamento do córrego Ferrugem. O local foi bloqueado por volta das 18h50. 

Já a avenida Francisco Sá, na região Oeste, e o cruzamento das avenidas Joaquim Murtinho e Prudente de Morais, na regional Centro-Sul, também registraram alagamentos. As duas vias foram liberadas por volta das 19h45. 

Alerta

A capital está sob alerta de chuvas de 60 a 80 mm até as 8h desta terça-feira (2) e de risco geológico moderado até quarta-feira (3). Recomenda-se atenção no grau de saturação do solo e nos sinais construtivos. 

Os moradores podem receber os alertas de risco de chuvas fortes, granizo, tempestades, vendavais, alagamentos, risco de deslizamentos de terra e outros fenômenos meteorológicos por SMS. 

Para se cadastrar, basta enviar uma mensagem de texto com o CEP da sua rua para o número 40199 e uma mensagem de confirmação será enviada na sequência. O serviço não tem custo. A população também pode acompanhar os alertas pelas redes sociais e pelo canal público do Telegram no endereço: defesacivilbh.

Precipitações

De acordo com o órgão, apenas no primeiro dia de novembro, choveu cerca de 25% do esperado para todo o mês. A média histórica do período é de 239,8 mm. Veja o acumulado de chuvas até 18h40 desta segunda.

- Barreiro: 55 (22,9%)
- Centro-Sul: 49,3 (20,6%)
- Leste: 63 (26,3%)
- Nordeste: 54 (22,5%)
- Noroeste: 63 (26,3%)
- Norte: 40,8 (17%)
- Oeste: 49,6 (20,7%)
- Pampulha: 61 (25,4%)
- Venda Nova: 55,4 (23,1%)

Leia mais:

Defesa Civil alerta para chuvas de até 80 mm e possibilidade de risco geológico em BH
Motorista e passageiros ficam presos após fios da rede elétrica caírem sobre ônibus em Lagoa Santa