Pela primeira vez desde que o programa Minas Consciente foi atualizado, em agosto de 2020, todas as 14 macrorregiões de saúde do Estado estarão na Onda Verde. Anteriormente, apenas a região Triângulo do Sul ocupava a faixa amarela do plano. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (9) pelo Comitê Extraordinário Covid-19. A mudança passa a valer a partir de sábado (11).

Com a definição, todo o Estado ficará na fase mais flexível do plano, criado para a retomada gradual e segura das atividades econômicas. Segundo o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, os indicadores da doença em Minas seguem com previsão de queda, devido ao avanço da vacinação. 

Até o momento, 13,8 milhões de pessoas receberam a primeira dose do imunizante contra a doença no Estado. Do grupo, 5,9 milhões tomaram o reforço. “Outro ponto de destaque é a aplicação de quase 300 mil doses de vacina na média móvel diária. Isso mostra e reforça a importância da imunização no controle da pandemia no estado’’, disse. 

Outros indicadores

Além dos números da imunização em Minas Gerais, outros indicadores da pandemia foram apresentados pelo Comitê Covid. Conforme o último relatório, a taxa de incidência do coronavírus registrou queda de 37% na última semana e de 44% nos 14 dias anteriores. Já as internações caíram 35% em quatro semanas.

(*) Com informações da Agência Minas

Leia mais: 
Minas confirma 2,5 mil casos e 17 mortes por Covid nas últimas 24 horas
Minas recebe mais de 353 mil doses das vacinas Pfizer e CoronaVac nesta quinta-feira
País recebe 1,13 milhão de vacinas da Pfizer