Após serem congeladas em 2020 por conta da pandemia de Covid-19, as tarifas dos ônibus intermunicipais serão reajustada a partir da próxima terça-feira (17), em Minas Gerais. As linhas do padrão convencional, operadas com veículos rodoviárias, terão correção média de 5,82%. Já as de padrão comercial, dos coletivos urbanos, de 3,55%. A resolução foi publicada no Diário Oficial do Estado.

Apesar de o reajuste ser anual, a última atualização tarifária foi em 29 de dezembro de 2019. A correção do ano passado foi adiada devido à crise sanitária e a atualização será de acordo com as mudanças de valores dos últimos 12 meses. O reajuste tarifário leva em consideração a variação dos preços do combustível, mão de obra, tributos, manutenção, depreciação do veículo, dentre outros insumos. 

Com a entrada em vigor da nova base tarifária, a passagem de menor valor passa para R$ 3,70, como por exemplo, entre Matozinhos e Pedro Leopoldo, na Grande BH. Já a de maior preço para R$ 333,50, no trecho Uberaba (Triângulo) – Montes Claros (Norte de Minas), sem custos de embarque e pedágio.

Atualmente, o Sistema Intermunicipal de Transporte de Passageiros tem uma frota de 3.570 veículos e atende mensalmente, em média, 2,9 milhões de passageiros. 

Leia mais: 

Termina nesta sexta-feira o prazo de inscrições para 300 vagas de curso gratuito ofertado pela UFMG
Incidência da Covid em Minas cai 18% em duas semanas, diz Estado
PRF apreende mais de 8 mil litros de cerveja sem nota fiscal em Teófilo Otoni