A taxa de transmissão da Covid-19 subiu pelo segundo dia consecutivo em Belo Horizonte. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura nesta terça-feira (6), o chamado RT está em 0,94, o que indica que cada cem pessoas contaminadas transmitem o vírus para outras 94.

Outro dado que cresceu neste novo balanço refere-se à lotação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que passou de 63,4% para 63,9%. Atualmente, a capital mineira tem 911 vagas nas redes pública e privada, sendo que 582 estão com pacientes internados.

Já os leitos de enfermaria para casos de Covid-19 apresentaram uma leve queda de 47,8% para 47,5%.

A capital confirmou, até o momento, 241.032 casos de Covid-19. Desses, 229.776 são considerados recuperados e outros 5.387 permanecem em acompanhamento. No total, 5.869 pessoas morreram em decorrência da doença.

Vacinação

Ainda de acordo com o boletim, 1.148.341 pessoas foram vacinadas com a primeira dose no município, o que corresponde a 57,1% da população total da cidade. Com as duas doses, 427.380 moradores foram imunizados, o equivalente a 21,8%.

E a PBH anunciou na tarde desta terça-feira (6) a ampliação da vacinação contra a Covid-19 para pessoas de 44, 43 e 42 anos, a partir do próximo sábado (10). Além dessa faixa etária, idosos de 62 e 61 anos receberão a segunda dose do imunizante na semana que vem.

Leia Mais:
BH amplia vacinação contra a Covid-19 para pessoas de 42 a 44 anos; veja as datas
Mulher é suspeita de esconder morte do pai e receber R$ 190 mil em benefícios do INSS
Operação policial apreende 220 máquinas caça-níqueis de estabelecimentos do Centro de BH