A força-tarefa de enfrentamento à pandemia de Covid-19 da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) esteve em Cataguases, na Zona da Mata mineira, para monitorar e apoiar os gestores hospitalares da cidade no plano de ação para melhorar o atendimento à população.

A cidade tem 6.549 casos confirmados da doença com 219 mortes, segundo o último boletim epidemiológico. No momento, 17 pessoas estão internadas em unidades de terapia intensiva de hospitais públicos e particulares e não há mais vaga de alta complexidade destinadas apenas aos pacientes em tratamento para a doença no município.

“Atuamos quando os indicadores aumentam, e principalmente quando sobem de forma distinta do resto da região”, explica a coordenadora da força-tarefa, Adriana Vilella Ávila de Castro.

Ainda segundo Adriana, a chegada de novas variantes estão em estudo e ainda não se sabe se são mais agressivas. "A diminuição da faixa etária de pacientes necessitando de UTI, a questão da obesidade ser um fator de risco, e uma piora muito rápida no quadro dos pacientes", disse.

Vacinas

O governo de Minas iniciou, nesta sexta-feira (4), o envio das vacinas contra a Covid-19, da 22ª remessa, para as regionais de saúde da Zona da Mata e Campo das Vertentes. Mais de 60 mil doses da AstraZeneca e Pfizer serão entregues. Cataguases vai receber 930 doses do imunizante da AstraZeneca.

Conforme o Estado, a previsão é a de que as Unidades Regionais de Saúde (URSs) concluam o processo de retirada, na Central Estadual de Rede de Frio, na segunda-feira (7).

Leia Mais:
Saúde detalha logística de distribuição de vacinas contra Covid-19
Justiça deve julgar ações a favor da volta às aulas presenciais na próxima semana em BH
Pesquisa aponta que 62,7% dos municípios no país relatam aumento de casos de Covid-19