Os índices que monitoram a Covid-19 em Belo Horizonte preocupam. Dois dos três indicadores tiveram alta nesta terça-feira (25) em comparação ao dia anterior, conforme balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA). 

A taxa de contágio pelo novo coronavírus, o chamado RT, passou de 1,05 para 1,08. Isso significa que cada cem pessoas infectadas transmitem a doença paa outras 108. A lotação dos leitos de enfermaria destinados a pacientes diagnosticados com a enfermidade passou de 62,4% para 63,8%, permanecendo em alerta amarelo. 

Já a taxa de ocupação na terapia intensiva registrou uma leve queda se comparado ao levantamento interior: de 79,5%, para 78,2%. Mas o índice, que segue em nível máximo de alerta, ainda chama a atenção.

Boletim Covid

Até o momento, ainda conforme o balanço, 202.423 belo-horizontinos testaram positivo para Covid-19. Desses, 4.967 não resistiram às complicações e morreram.

A primeira dose da vacina contra o novo coronavírus já foi aplicada em 766.961 pessoas na cidade. Já os imunizados com as duas aplicações somam 369.210.

Vacinação professores

A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou a vacinação contra a Covid-19 de professores e demais trabalhadores da educação infantil, de escolas públicas e privadas, a partir desta quarta-feira (26).

Além disso, pessoas em situação de rua e aquelas privadas de liberdade também foram incluídas no grupo prioritário de vacinação na capital mineira. 

Leia Mais:
PBH vai vacinar trabalhadores da educação infantil contra a Covid-19 a partir desta quarta-feira
Defensoria Pública solicita aulas on-line ou híbridas na rede municipal de BH em até 15 dias
Cadastramento para pessoas com deficiência será aberto na 5ª pela PBH; saiba quem pode se vacinar