Belo-horizontinos com comorbidades e idades entre 50 e 52 anos, completos até 31 de maio, além de gestantes e puérperas, também com comorbidades, estão sendo vacinados contra a Covid-19 nesta quarta-feira (12) na capital mineira.  

O grupo desta faixa etária – que preencheu o cadastro no portal da prefeitura – recebe o imunizante da Pfizer. A vacinação está sendo realizada em 36 pontos fixos exclusivos, das 8h às 16h. As doses precisam ser armazenadas em condições especiais e, por isso, estão distribuídas em postos exclusivos (clique aqui e veja os endereços).

No momento da imunização é preciso apresentar exames, receitas, relatório ou prescrição médica que comprove a comorbidade. O documento precisa ter sido emitido em até 12 meses antes do cadastro. Também é preciso apresentar documento de identidade e comprovante de residência, além de não ter recebido qualquer outra vacina há duas semanas.

A proteção dos belo-horizontinos com comorbidades começou sexta-feira (7). O grupo contempla pessoas com síndrome de Down, deficiência permanente inscritas no programa Benefício de Prestação Continuada (BPC), doença renal crônica e gestantes e puérperas.

Vacinação de gestantes sem comorbidades

Diferente do programado anteriormente, gestantes e puérperas com idades acima de 40 anos e sem comorbidades não receberão a vacina contra a doença nesta quarta. A medida foi tomada pela prefeitura do município após orientação do Ministério da Saúde para suspensão da vacinação de gestantes com o imunizante Oxford/AstraZeneca.

No caso das vacinas Coronavac e da Pfizer, a pasta autoriza o uso apenas nos casos de mulheres com comorbidades. Aquelas que não apresentarem condições de saúde enquadradas nesta categoria não deverão ser imunizadas.

Leia mais:
Gestante vacinada fica sem reforço da Astrazeneca; veja orientação da Federação de Obtetrícia
BH suspende vacinação de gestantes sem comorbidades prevista para esta quarta
Ministério da Saúde suspende vacinação de gestantes com AstraZeneca