Idosos de 69 anos, que já tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19, recebem a segunda aplicação nesta quinta-feira (29) em Belo Horizonte. O prazo entre as duas doses, conforme informou a prefeitura da capital mineira, segue as recomendações do Ministério da Saúde. O intervalo entre as aplicações deve ser de 14 a 28 dias para os vacinados com a CoronaVac e de 2 a 14 semanas para os imunizados com a AstraZeneca.

Nesta sexta (30), pessoas com 68 anos recebem a dose complementar para a imunização completa. A vacina está sendo aplicada nos centros de saúde e postos extras, das 7h30 às 16h30, e nas unidades drive-thru, das 8h às 16h30. Os locais estão disponíveis neste link.

Para receber a dose, as pessoas precisam apresentar um documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência, além do cartão de vacinação que conste as informações sobre a primeira aplicação. 

Confira o cronograma da vacinação contra a Covid-19 em BH: 

- 69 anos: segunda dose na quinta-feira (29)
- 68 anos: segunda dose na sexta-feira (30)
- 89 anos e mais: segunda dose no sábado (1º)

89 anos ou mais

Para o público de 89 anos ou mais, desde que não tenha mobilidade reduzida, a administração da dose complementar será antecipada para o próximo sábado (1º). Vale reforçar que, neste dia, a vacinação contra a Covid-19 será exclusiva para este público. Os locais serão divulgados posteriormente pela PBH.

Os moradores desta faixa etária que estão acamados devem entrar em contato com a administração municipal para agendar a vacinação.

Leia mais: 
Covid-19 mata cada vez mais pessoas fora do ‘grupo de risco’ em Minas
CPI da Pandemia se reúne nesta quinta-feira para apresentar plano de trabalho
Minas tem 92 casos confirmados de crianças com síndrome rara associada à Covid-19