A Covid-19 matou mais de 6 mil pessoas em Minas Gerais só nos primeiros 19 dias de abril. Foram 6.065 mortes registradas no período, o que faz com que o mês já seja o mais letal desde o início da pandemia, em março do ano passado. O recorde anterior havia sido atingido nos 31 dias de março, com 5.757 óbitos confirmados, segundo dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG). 

No levantamento desta segunda-feira (19), mais 88 óbitos em decorrência da doença foram somados em Minas. Até o momento, 30.397 mineiros já perderam a luta para a enfermidade. Hoje, a taxa de letalidade no Estado está em 2,4% e 814 municípios já tiveram ao menos uma morte.

Os dados do boletim também mostram que 1.872 novos casos foram confirmados em apenas um dia. Ao todo, o novo coronavírus contaminou 1.281.421 pessoas. Destes, 1.167.827 já estão recuperados da doença. Outros 83.197 pacientes estão em observação, internados ou em isolamento social.

Imunização

Até a manhã de hoje (19), 2.652.291 mineiros já receberam a primeira dose da vacina contra o vírus. Deste grupo, 976.071 tomaram a segunda aplicação, conforme dados do vacinômetro, painel da SES que monitora a campanha de vacinação em Minas.

Para todo o Estado, o Ministério da Saúde já disponibilizou 5.130.130 vacinas para Minas, sendo 5.060.906 distribuídas aos municípios.

Leia mais:
Butantan recebe insumo e fabricará mais 5 milhões de vacinas CoronaVac
Kalil anuncia nesta segunda se mantém restrições ou reabre o comércio em BH
Idosos com 71 e 72 anos recebem 2ª dose da vacina contra a Covid em BH; saiba onde