A cidade de Monte Carmelo, no Triângulo Mineiro, já não tem cilindros de oxigênio nos hospitais suficientes para atender aos pacientes com Covid-19 e deverá transferir pacientes para outros municípios devido à falta de leitos, informou o prefeito da cidade, Paulo Rocha, em live no Instagram.

O relato na rede social foi feito nesse sábado (13). "Hoje chegamos ao limite do atendimento contra o coronavírus", afirmou. "Se você souber que alguém tem um cilindro de oxigênio em casa que não esteja sendo usado ou que acabou, por favor, entre em contato com o nosso hospital que nós buscamos na sua casa", solicitou o chefe do Executivo local. 

Segundo ele, não há condições de "intubar mais nenhum paciente" por conta da ocupação dos leitos. "Os pacientes que estão na enfermaria estão evoluindo muito rápido para a piora da situação. Não temos mais condições de dar atendimento digno para a população, infelizmente”, lamentou.