Um homem foi preso em flagrante na manhã desta terça-feira (17), em Belo Horizonte, suspeito de compartilhar arquivos com conteúdo de abuso sexual de crianças e adolescentes por meio de uma rede social. 

As investigações da Polícia Federal começaram há um mês e identificaram a transferência de arquivos entre dois usuários, um brasileiro (o detido) e um estrangeiro. A ação faz parte da oitava fase da operação “Roda Gigante”, que visa a combater o crime

Nesta terça, a PF cumpriu o mandado de busca e apreensão, expedido pela 35ª Vara Federal de Belo Horizonte, e apreendeu computadores e outros equipamentos utilizados pelo suspeito. Além disso, foram encontradas maletas de lápis de cor infantis na casa do autor.

Se condenado pelo crime de armazenar conteúdo de violência sexual infanto-juvenil e compartilhá-lo na internet, o homem pode cumprir até seis anos de prisão.

Leia também:

Vale e governo de Minas discutem nesta terça danos em Brumadinho