Uma mulher grávida foi presa no domingo (1°) no momento em que tentava entrar com um aparelho celular, escondido dentro de sua vagina, no Presídio Sebastião Satiro, em Patos de Minas, no Alto Paranaíba. Ela, que está no sexto mês de gestação, confessou que a Polícia Militar (PM) que pretendia entregar o aparelho ao namorado, que está preso no local.

Conforme a PM, o celular foi achado por uma agente penitenciário durante a revista. O telefone estava enrolado em chapas de raio-x, para que ele não fosse descoberto pelo detector de metais. A grávida foi presa e encaminha à delegacia da cidade.