Para auxiliar o Instituto Mário Penna a enfrentar crise financeira, a Prefeitura de Belo Horizonte irá antecipar repasse de R$ 5 milhões à entidade. Atualmente, o valor mensal é de R$ 2,5 milhões em recursos.

O total adiantado será descontado da instituição, de acordo com a PBH, a partir de agosto de 2019, em parcelas de R$ 1 milhão por mês. O anúncio foi feito nessa quinta-feira (4) em reunião na sede da prefeitura.

"Quero agradecer ao Município de Belo Horizonte por entender a importância do Instituto para Belo Horizonte e para todos os municípios que atendemos em Minas Gerais", afirmou o presidente do Conselho de Administração do Instituto Mário Penna, Gilmar de Assis, na ocasião.

Conforme o secretário municipal de Fazenda, Fuad Noman, as contas do município estão equilibradas e por isso é possível fazer o adiantamento sem impactos negativos nos cofres públicos.

Fonte: PBH