Seis meses após ser lançado, o Rotativo Digital alcançou a marca de 1,5 milhão de créditos adquiridos por motoristas de Belo Horizonte. O pagamento para utilizar as vagas de estacionamento na cidade pode ser feito pelo celular, por meio de aplicativos, ou em um dos 708 postos de venda, como bancas de revistas. 

Atualmente, existem seis plataformas para telefones e quatro para os pontos fixos. “Implantamos um sistema seguro, moderno, que oferece conforto e facilidade para todos os usuários”, diz o diretor de Sistema Viário da BHTrans, José Carlos Mendanha Ladeira. 

Com o novo Faixa Azul, as folhas de papel foram substituídas. O valor é o mesmo (R$ 4,40), sendo possível contar também com o bônus 30 minutos. Os talões deixaram de ser distribuídos em outubro, mas não perderam a validade e podem ser usados pelos condutores que ainda possuem alguma reserva. 

BH tem 23 mil vagas físicas que podem se transformar em 107.069 oportunidades de estacionamento, caso seja respeitado o tempo de permanência máximo em cada.