Após provocar um acidente e capotar o carro na esquina da avenida Otacílio Negrão de Lima com Pedro I, na Pampulha, um motorista de 23 anos, que estava alcoolizado, tentou se esconder, mas foi "denunciado" por cachorros que estavam latindo para ele. 

Segundo a Polícia Militar, o suspeito dirigia um Siena por volta de 23h desse domingo (25) após sair de um bar na avenida Portugal e acabou perdendo o controle da direção, batendo na traseira de um Nissan Livina, em um poste e capotando o carro no canteiro central. 

O veículo chegou a ficar de cabeça para baixo, mas ninguém se feriu no acidente. Após a capotagem, o motorista saiu do carro e fugiu a pé, se escondendo próximo a orla da lagoa da Pampulha, a cerca de 300 metros de distância do local do acidente. 

A polícia encontrou o homem porque ouviram os latidos de cães perto de onde ele estava. Testemunhas afirmaram ainda que ele estava armado, mas a polícia não encontrou a arma com ele e nem nas proximidades.

Aos militares o motorista contou que estaria sendo perseguido e assumiu que bebeu Whisky e que fumou maconha antes de pegar a direção do veículo. Ele foi levado para a Delegacia de Trânsito do Detran e teve a carteira de habilitação apreendida.