Para acabar com os alagamentos e transtornos provocados pela chuva em Belo Horizonte são necessários 40 anos de trabalho contínuo, segundo o prefeito Alexandre Kalil. A fala foi feita durante coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (18), na Prefeitura de Belo Horizonte. 

"Nós vamos continuar rezando e trabalhando, porque esse é um trabalho contínuo, que levaria ao menos 40 anos", afirmou o prefeito da capital mineira, dizendo que os problemas só serão resolvidos se as próximas dez administrações municipais investirem em saneamento básico e bacias de contenção.  "Estamos entregando a (obra) Bacia de Camarões dentre outras obras, limpamos tubulações pluviais, mas é um trabalho que não pode parar", completou. 

Segundo ele, o país tem que investir em saneamento básico de forma prioritária, mas, neste momento, todo mundo está mais preocupado com o cenário político. "O que interessa, que é posto de saúde e remédio, tem que voltar a ser notícia", afirmou. 

Leia mais:
Árvore cai em carro e fere mulher no Santa Tereza; veja o vídeo
Temporal derruba árvores e provoca estragos em Belo Horizonte na manhã desta quinta
Defesa Civil emite alerta de novos temporais ainda nesta quinta para Minas