Quando a chuva cai com intensidade em Belo Horizonte, uma das avenidas mais prejudicadas é frequentemente a Teresa Cristina, que margeia o rio Arrudas entre Contagem e a região Oeste de Belo Horizonte. Neste fim de semana, a via passou por problemas novamente.

Pelo menos 15 casas foram atingidas por um lamaceiro no bairro Vila São Paulo, na divisa entre Belo Horizonte e Contagem. O caso aconteceu depois do temporal desse domingo (3). De acordo com moradores, atrás das residências passa uma linha férrea. Com a falta de escoamento, a água ganhou força e acabou destruindo muros e levando o barro para as residências. Moradores do local estão desolados com os prejuízos. Em algumas casas, todos os cômodos foram atingidos pelo barro. Móveis e até alimentos foram perdidos.

A lama chegou até a avenida Teresa Cristina, que ficou completamente interditada no sentido centro. Um trator trabalha na remoção dos resíduos para liberar o trecho. Polícia Militar, Defesa Civil e BHTrans também estão no local. Durante a manhã, a avenida ficou interditada em um trecho próximo ao Anel Rodoviário, no bairro Madre Gertrudes, no sentido Centro. Os motoristas foram obrigados a fazer um desvio pela avenida Amazonas, próximo à fábrica da Vilma, na Cidade Indistrial, em Contagem, na Região Metropolitana. Por causa disso, a avenida Amazonas está com grande congestionamento, segundo a BHTrans. 

Veja vídeo sobre o trabalho de limpeza no local:

* Com Cinthya Oliveira

Leia mais:
Prepare-se: Deve chover até o fim da semana em todo o Estado
Em 4 dias, BH tem 60% da chuva esperada para todo o mês de dezembro