Discutir o empreendedorismo e o futuro profissional. Esse é um dos objetivos do “Jonafes: ciências exatas, humanas, sociais, biológicas e da saúde”, evento acadêmico organizado pelas Faculdades Unidas do Norte de Minas (Funorte) e de Saúde Ibituruna (Fasi) em Montes Claros, no Norte de Minas Gerais. A expectativa é a de que aproximadamente 2,5 mil estudantes e profissionais formados participem das atividades, que serão iniciadas na quinta-feira da próxima semana e se estendem até dia 24.

Programação do Jonafes conta com cursos, palestras, minicursos, mesas de discussão e apresentação de trabalhos científicos

O tema do evento, que está na 12ª edição, é “Educação, saúde, tecnologia, esporte e cultura visando responsabilidade social”. De acordo com o diretor de Extensão da Funorte, Andrey Souza, os 36 cursos ofertados pela rede mantida pela Associação Educativa do Brasil (Soebras), tanto os de graduação quanto os de pós, estão envolvidos na programação.

“Cada um tem a sua programação específica. Com isso, agregamos volume de atividades, fazendo do Jonafes um dos maiores eventos acadêmicos e profissionais do Estado e do país”, comenta.

Os três dias de atividades terão mais de 150 cursos, 30 palestras e 20 mesas de discussões. Além disso, centenas de trabalhos científicos serão apresentados. “Já as palestras de abertura de cada curso focam em temas como empreendedorismo, futuro profissional. Ou seja, mostram a realidade e as perspectivas gerais do mercado em cada área”, detalha Andrey Souza.

Uma das palestras que se destacam é a do ex-procurador regional da República Eugênio Pacelli de Oliveira. A participação dele está programada para 22 de setembro, no auditório do campus São Norberto.

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas no site da Funorte (www.funorte.edu.br), no link exclusivo do Jonafes. A programação completa também pode ser acessada pela plataforma.