Um motociclista, 22 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (10), após bater em um veículo Fiat Uno que tomou a contramão de direção na avenida Portugal, no bairro Santa Amélia, na região da Pampulha, em Belo Horizonte.

De acordo com relato do condutor do veículo, 43 anos, à Polícia Militar (PM), ele seguia na avenida e, havia pouca claridade no local pois uma árvore obstruia um poste. Não tinha sinalização devida e, por "questões de segurança", ele precisou direcionar o carro um pouco para a esquerda, que foi o mesmo momento em que o motociclista, que seguia na direção contrária a dele, apareceu, resultando na batida.

O condutor do veículo não apresentava sinais de embriaguez, conforme Boletim de Ocorrência (B.O.), mas se negou a realizar o teste do bafômetro.

A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. A moto e os pertences do jovem de 22 anos foram recolhidos e encaminhados para a delegacia, pois nenhum responsável apareceu no local para recolhê-los. A ocorrência foi encerrada no Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran).