A fé católica e a tradição do feriado de Corpus Christi levaram centenas de fiéis a Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na manhã desta quarta-feira (4). Cerca de 5 mil pessoas acompanharam os festejos da data, iniciados com uma missa celebrada no largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário, no centro histórico da cidade.

A celebração do feriado foi iniciada na noite de quarta-feira (3), quando os tradicionais tapetes de serragem começaram a ser confeccionados por moradores da cidade. As peças, espalhadas pelas ruas da cidade são “bordadas” à mão com símbolos que representam a igreja católica.

Marcada para as 8h, a missa, presidida por Dom João Justino, bispo auxiliar da arquidiocese de Belo Horizonte, e por Padre Rogério Messias dos Santos, pároco da Igreja do Rosário, começou com meia hora de atraso. A celebração, que representa a presença de Jesus Cristo na hóstia sagrada, durou pouco mais de uma hora.

Procissão

Ao fim do ritual católico, os fiéis seguiram, com o Santíssimo Sacramento, em uma procissão que durou uma hora e meia, até a Igreja de Nossa Senhora da Conceição. Durante a caminhada, padres e outros religiosos abençoaram casas, moradores, estabelecimentos comerciais e locais públicos. E, ao longo de todo o trajeto, entoaram, junto aos fiéis, músicas e orações.

O casal de dentistas Maria José Alves Machado, de 72 anos, e Luiz Machado, 79, saiu de Belo Horizonte e, pela primeira vez, participou da celebração de Corpus Christi na cidade vizinha. "Vamos à missa todo domingo, mas o Corpus Christi tem um significado especial", disse Maria José. Já a advogada sabarense Cristiane Fagundes, de 37 anos, foi acompanhando a mãe, a aposentada Lídia Fagundes, 83 anos, como faz todos os anos. "A missa celebra a presença de Cristo, importante para nos fazer lembrar dele no nosso dia a dia e agradecer por sua presença", afirmou.

Em Sabará, os festejos do Corpus Christi terminam às 19h com uma missa festiva na Igreja de Nossa Senhora da Conceição e uma procissão no entorno da Praça Matriz.