Rodoviários de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, se mobilizam nesta terça-feira (28) para pressionar o Executivo a derrubar o decreto que extingue a presença dos cobradores em todos os ônbius que circulam no município.
 
Nesta manhã, aproximadamente cem trabalhadores fazem carreata nos bairros JK e Eldorado e complicam o trânsito no sentido Cidade Industrial. Segundo a Transcon, autarquia que gerencia o tráfego em Contagem, os manifestantes fecham parcialmente o trânsito na avenida João César de Oliveira. A categoria informou que irá se concentrar na Praça da Cemig durante toda a manhã.
 
Apesar do protesto que prejudica os passageiros, o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviários de Contagem (SITTRACON) garantiu que os coletivos não estão 100% parados na cidade.
 
Reivindicação
 
O sindicato dos rodoviários informou que, com a mobilização, a categoria quer chamar atenção das autoridades, já que os trabalhadores não aceitam a dupla função desempenhada pelos motoristas de Contagem. 
 
"Atualmente, os motoristas têm que cobrar passagem, função que deveria ser dos cobradores. Reivindicamos que os ônibus de Contagem tenham sempre motoristas e cobradores. Pedimos que o prefeito Carlim Moura não atenda somente aos empresários", disse um integrante do SITTRACON.