Desde esta quarta-feira (18), alunos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) podem, pela internet, denunciar trotes e crimes dentro do campus, além de encaminhar críticas, sugestões, elogios, solicitações de informações e reclamações referentes à unidade de ensino.
 
A Ouvidoria Geral da UFMG inaugurou um sistema que permite o recebimento de manifestações, que antes eram feitas apenas por telefone, e-mail ou formulários preenchidos presencialmente. Clique aqui para acessar o novo canal da universidade.
 
Por meio do Sistema de Ouvidoria, docentes, discentes, funcionários e a comunidade externa podem encaminhar críticas, denúncias, elogios, solicitações de informações e reclamações à administração da Universidade de forma ágil e segura. Os temas das manifestações podem estar relacionados a direitos humanos, questões funcionais, segurança, trote e assuntos estudantis.
 
Uma vez realizado o acionamento, os usuários do Sistema Eletrônico de Ouvidoria da UFMG poderão acompanhar o processamento de suas manifestações pelo próprio Sistema ou pelo e-mail cadastrado. A Ouvidoria resguarda o sigilo e preserva a identidade dos autores.
 
O software de Ouvidoria, adotado pela UFMG, é uma solução do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), adaptada à realidade da Universidade por meio de parceria entre a Diretoria de Governança Informacional (DGI) e a Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI). 
 
A Ouvidoria da UFMG também atende pelo telefone (31) 3409-6466, pelo e-mail:  ouvidoria@ufmg.br ou recebe correspondência na Av. Antônio Carlos, 6.627, campus Pampulha – CEP: 31910-270.