Dois investigadores do Departamento de Operações Especiais (Deoesp) ficaram feridos após serem atingidos por estilhaços de balas. Eles estavam em uma operação em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, quando foram acertados. Os policiais foram socorridos, atendidos e não correm risco de morte.
 
Conforme a Polícia Civil, cerca de cinco equipes do Deoesp, aproximadamente 20 policiais, participaram da operação. Elas estavam na BR-262, na entrada de Betim, quando, por volta das 22 horas, foram recebidas a tiros. Segundo o delegado Wanderson Gomes, quatro suspeitos foram presos, dois veículos apreendidos, sendo um deles com queixa de furto, além de grande quantidade de droga.
 
Ainda de acordo com o delegado, os investigadores foram atendidos no Hospital Regional de Betim e no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, mas já receberam alta e estão fora de perigo. A Polícia Civil informou que está investigando de onde partiu os tiros dos estilhaços que acertaram os policiais.
 
O resultado da operação será apresentado pelo Deoesp nos próximos dias.