Um Centro Socioeducativo com capacidade para 40 adolescentes será construído em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte. O local será destinado a menores em conflito com a lei e tem inauguração marcada para o segundo semestre deste ano. 
 
De acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), a reforma do imóvel que irá abrigar a nova unidade começou nesta terça-feira (8) e o objetivo é adaptá-lo conforme as regras do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (SINASE). Ao todo, serão investidos cerca de R$ 2 milhões.
 
O centro irá abrigar apenas garotos do sexo masculino e funcionar em uma escola desativada há vários anos no bairro Morro Alto. O local terá alojamentos, salas para oficina, consultórios médico e odontológico, salas de atendimento, quadras esportivas, escola formal, biblioteca, espaço reservado para visitas de familiares, instalações para a administração, refeitório e apoio técnico especializado. Além de receber os adolescentes da cidade, a unidade também deve reforçar as 483 vagas de internação já existentes na Grande BH.
 
Atualmente, além de Vespasiano, Minas também irá ganhar outras quatro semelhantes unidades em 2014, sendo em Ipatinga, no Vale do Aço, Passos, no Sul, Tupaciguara, no Triângulo Mineiro, e Janaúba, no Norte do Estado. No total, o sistema  socioeducativo de internação mineiro, que possui a capacidade para 1.252 adolescentes, será ampliado em mais 200 vagas, um incremento de 16%. O somatório do investimento é de cerca de R$ 14,5 milhões em recursos estaduais. (*Com a Seds)