Dois moradores de rua morreram após serem baleados no Centro de Belo Horizonte, na manhã desta sexta-feira (31). O crime ocorreu nas proximidades da Praça da Estação.

A primeira vítima estava debaixo do Viaduto da Floresta e foi atingida no rosto. O rapaz chegou a ser socorrido pelos militares e encaminhado ao Pronto-Socorro João XXIII. No entanto, morreu antes de dar entrada no hospital. Dentro do bolso da calça dele, a PM encontrou cerca de 40 pedras de crack.

O segundo homem estava perto de um ponto de ônibus da rua Aarão Reis. A identificação dele ainda não foi confirmada pela Polícia. Mas, segundo moradores de rua, ele se chamava Paulo Pereira de Oliveira e tinha 31 anos.

Um adolescente de 16 anos, identificado apenas como R.G.S., foi apreendido na rua da Bahia, com um revólver calibre 32. Ele teria confessado o crime, mas se limitou a dizer aos militares que se tratava de um acerto de contas. Uma mulher também está detida suspeita de ser estar envolvida no crime.