A polícia está à procura de uma suposta prostituta que matou um homem, de 64 anos, na madrugada desta quinta-feira (17) em Poços de Caldas, na região Sul de Minas.

Segundo a Polícia Militar, o construtor Antônio Ricardo Anadão teria sido atingido por quatro facadas, sendo duas no tórax e duas na barriga. Ele foi encontrado caído no chão do quarto de seu apartamento.

Vizinhos ouviram gritos e acionaram os militares e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas quando o socorro chegou ao local, no bairro Jardim Vitória, a vítima já estava morta.

O crime ocorreu por volta das 2 horas, aproximadamente uma hora após os dois chegarem à residência do homem em um carro. A prostituta teria deixado o prédio sem levar nenhum objeto.

"No local, os policiais localizaram apenas resquícios de crack, levantando a suspeita de que eles tenham consumido a droga antes do crime", revela o sargento José Marques de Souza.

Um rastreamento foi feito nas localidades, mas ninguém tinha sido preso até o fim da manhã. A mulher foi identificada e já teria passagem pela polícia por furto.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal. A PM não soube informar se ele vivia sozinho ou com familiares. O caso será investigado.