SÃO PAULO - Única invicta e dona da melhor campanha até o momento, a seleção brasileira feminina de vôlei ainda levou sorte no sorteio que definiu as chaves da terceira fase do Mundial de vôlei, realizado nesta segunda-feira (6).
 
A equipe comandada por José Roberto Guimarães caiu no grupo da China e República Dominicana. O primeiro adversário será a China, na quarta-feira (8). Dois dias depois, o time enfrenta a República Dominicana.
 
A República Dominicana tem no comando um velho conhecido do treinador José Roberto Guimarães: o brasileiro Marcos Kwiek, 47.
 
Aprendiz de Zé Roberto, com quem trabalhou em clubes (desde 1993) e na seleção brasileira (2003 a 2007), Kwiek transformou as dominicanas em nova potência centro-americana, desde que chegou à ilha em 2008.
 
O outro grupo será formado por EUA, Rússia e as donas da casa, a Itália.
 
Os dois primeiros colocados avançam à semifinal da competição, que será realizada no sábado (11). A decisão está programada para domingo (12).