A diretoria do Cruzeiro adota o tom de cautela. Mas o clube vai anunciar nos próximos dias as contratações do volante colombiano Gustavo Cuéllar, do meia argentino Sanchez Miño e do atacante Douglas Coutinho.

O primeiro pertence ao Deportivo Cali, mas está emprestado ao Junior Barranquilla até julho. O Cruzeiro já acertou as bases salariais com o atleta, de 23 anos, e negocia agora a forma como o jogador irá se transferir para a Toca da Raposa. A negociação, no entanto, está praticamente acertada. A tendência é que Cuéllar seja emprestado ao clube celeste até o fim de 2016.

A situação de Sanchez Miño é semelhante. Revelado pelo Boca Juniors, o meia, de 25 anos, pertence o Torino, da Itália, e defende atualmente o Estudiantes de La Plata. O Cruzeiro já acertou com o clube italiano para o empréstimo de um ano.

Douglas Coutinho, por sua vez, já até se despediu do Atlético-PR em uma rede social, e também deverá vir por empréstimo. Em troca, o Cruzeiro irá emprestar o zagueiro Paulo André para o clube paranaense.

A expectativa é que o Douglas Coutinho esteja em Belo Horizonte no início da semana para realizar exames médicos e assinar o contrato.

Pisano próximo

Quem também está próximo de assinar com a Raposa é o meia argentino Matías Pisano. Como o Independiente, dono dos direitos do jogador, tem uma dívida de cerca de US$ 700 mil com o Cruzeiro referente ao empréstimo do atacante Ernesto Farías ao clube argentino, a agremiação estrelada negocia como será a compra do meia, de 24 anos.

Para liberar o atleta, o Independiente pede US$ 2 milhões pelos 50% dos direitos econômicos. Os demais 50% pertencem ao Chacarita Juniors, clube formador do atleta, e não estão em pauta nas conversas.