Gilson vive uma situação curiosa no Cruzeiro. No último domingo (22), o lateral de origem ganhou a chance de defender o time estrelado contra o América atuando pela meia-esquerda, posição na qual se tornou um dos destaques do Coelho na última temporada. Porém, na próxima quarta-feira (25), contra o Mamoré, o time estrelado não poderá contar com o titular da ala esquerda, o chileno Mena, que estará a serviço de sua seleção e, assim, ele seria um provável substituto. Como seu desejo é entrar em campo, o jogador deu o recado a Marcelo Oliveira : está pronto para atuar onde o "professor" mandar. 
 
"O importante é sempre estar ajudando. Eu me sinto à vontade naquela função (meia esquerda), pois posso chegar mais ao ataque. Mas não vejo problemas de jogar como lateral. É diferente a função, pois tenho que dedicar mais à marcação. Mas quero sempre ajudar, sempre em prol do Cruzeiro para buscar os pontos e as vitórias", garantiu o lateral/meia.
 
Apesar de aparecer como favorito para suprir a ausência de Mena, Gilson preferiu aguardar o posicionamento de Marcelo Oliveira, que deverá definir nesta terça-feira o time que atuará contra o Mamoré. 
 
"O professor não definiu, mas se ele optar por mim é mais uma oportunidade que eu tenho para mostrar meu futebol e me entregar ao máximo como eu sempre fiz para ajudar os meus companheiros", afirmou o lateral.
 
Além de Gilson, Marcelo Oliveira poderá optar por Breno Lopes e Pará para suprir a ausência de Mena.