O zagueiro Jemerson, 23, continua nos planos da Lazio-ITA para 2016. Após ter contratado o sérvio Milan Bisevac (ex-Lyon-FRA), o clube italiano ainda tem o brasileiro como "um sonho" para a dupla titular de defesa. A alta pedida do Atlético, porém, "assusta" a diretoria alviceleste, segundo o jornal "Corriere dello Sport".

Conforme a reportagem, o clube de Roma já trabalha com outros dois brasileiros como "plano b" para o setor: Dória e Réver. O primeiro tem 21 anos, pertence ao Olympique de Marselha-FRA e está emprestado ao Granada-ESP. Já o segundo é o experiente capitão atleticano na conquista da Libertadores de 2013. Aos 31 anos, ele terminou o ano de 2015 como reserva no Internacional.

O Atlético quer 15 milhões de euros (R$ 64,5 milhões) por Jemerson, e já teria recusado uma proposta da Lazio no valor de 10 milhões de euros (R$ 43 milhões), de acordo com a publicação. Além de Dória e Réver, outros nomes que correm por fora entre os sondados são Vermaelen (Barcelona-ESP), Rodrigo Caio (São Paulo) e Guti (Joinville).

"Houve um contato com o Atlético por Jemerson, zagueiro central nascido em 1992. Ambidestro, ele também pode ser escalado como quarto zagueiro, visto que Pioli (Stefano, técnico da Lazio) havia pedido um zagueiro complementar a Bisevac", destaca o Corriere.

A atual janela de transferências europeia fica aberta até o dia 2 de fevereiro. Jemerson está nos Estados Unidos junto com a delegação do Atlético que disputa a Florida Cup até o próximo dia 20. O desejo da diretoria é que ele permaneça na Cidade do Galo ao menos para a disputa da Copa Libertadores, neste primeiro semestre.

Além da Lazio, Jemerson já recebeu sondagens de Roma-ITA, Porto-POR, Sevilla-ESP e Milan-ITA.