Cruzeiro

Lucas França, de 25 anos, é o único goleiro a iniciar a pré-temporada do Cruzeiro na Toca da Raposa II

Depois de 17 anos consecutivos, o Cruzeiro iniciará uma temporada sem ter Fábio à frente de sua meta. A dispensa do jogador com mais partidas disputadas na história do clube obriga agora a direção encabeçada por Ronaldo a buscar um novo goleiro. O técnico Paulo Pezzolano já indicou que quer contar com arqueiro que saiba jogar com os pés.

Na reapresentação do elenco profissional para a pré-temporada, na última terça-feira (4), havia apenas um goleiro: Lucas França. Ele é remanescente de 2021 e foi reserva de Fábio ao longo de toda a Série B do Campeonato Brasileiro. Aos 25 anos, disputou oito jogos pela Raposa.

Terceiro goleiro da equipe celeste no ano passado, Vinícius, de 22 anos, não se reapresentou com o restante do elenco. Ele deve se transferir para um outro clube sem jamais ter entrado em campo pelo Cruzeiro.

Incerteza sobre Jailson
Em dezembro, o clube chegou a anunciar a contratação de Jailson, que havia deixado o Palmeiras. A contratação, entretanto, aconteceu antes de Ronaldo assinar a intenção de compra da Sociedade Anônima de Futebol (SAF). Agora, a diretoria renegocia o acordo com o goleiro.

Curiosamente, Jailson tem 40 anos, apenas um a menos que Fábio. No comunicado sobre a saída de seu ex-capitão, a nova diretoria do Cruzeiro fez questão de mencionar a idade do goleiro que deixou a Toca da Raposa.

Caso não conclua a contratação do ex-atleta do Palmeiras, o clube celeste deve contratar dois goleiros para compor o elenco comandado por Paulo Pezzolano ou fazer uma contratação e promover arqueiros do time de juniores à equipe profissional. 

Na estreia da Copa São Paulo, nessa quarta-feira (5), Denivys, de 20 anos, foi o titular do time sub-20.

Leia mais:
Em protesto contra a saída de Fábio, torcedores do Cruzeiro xingam Paulo André