Apresentado nesta sexta-feira (11), o técnico Mozart já se mobiliza para estrear no comando da Raposa, diante do Goiás, neste sábado (12), às 21h, no Mineirão, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o time em péssimo momento em campo, abalado pela eliminação na Copa do Brasil no meio de semana e precisando urgentemente pontuar no Brasileiro, o novo comandante da Raposa traçou um plano para o seu debute à frente da equipe celeste.

Mesmo com o curto intervalo para a partida, o treinador quer aproveitar todos os minutos possíveis em campo, inclusive, realizando uma atividade no dia do duelo, o que não é muito comum no futebol, especialmente pela questão física.

“A sessão de treino que eu faria hoje eu vou dividir em duas. Vou treinar hoje e amanhã pela manhã, mesmo tendo jogo. O jogo é só 21h, e como o Cruzeiro tem essa estrutura de poder concentrar dentro do próprio CT, isso facilita a vida do treinador. É óbvio que uma sessão de treinamentos é praticamente nula, então, vou tentar otimizar esse tempo para continuar fazendo aquilo que estava dando certo, corrigir aquilo que na minha opinião precisa ser corrigido”, disse o técnico, na entrevista coletiva. 

Psicológico

Com pouca margem para trabalhar questões táticas, técnicas e físicas para o confronto com o Esmeraldino, Mozart afirmou que vai focar na parte emocional do elenco.

“Trabalhar com eles a questão psicológica, nós temos um elenco homogêneo na questão de juventude e experiência. Então, é importante que os jogadores, principalmente os mais experientes, que vivenciaram “N” situações ao longo da carreira que ajudem nesse cenário. O fato de já ter um jogo, e um jogo importante faz com que nós tenhamos que nos mobilizar para sair dessa situação. Você só sai dessa situação treinando todos os dias, jogando e dando o seu melhor. Não tem outro caminho. Então, é se preparar da melhor maneira possível, fazer os ajustes que são necessários fazer e focar nossas energias para o jogo de amanhã”, completou.

Além do revés para a Juazeirense-BA, no torneio de mata-mata, a Raposa tenta deixar a lanterna da Série B, posição que ocupa após se derrotados nos dois jogos que disputou na competição até o momento. 

Regularizado

Contratado nessa quinta-feira, Mozart já teve o nome publicado no Boletim Informativo Diário da CBF (BID), nesta sexta.

Com isso, o comandante está apto a comandar a equipe celeste do banco de reservas no duelo com o Esmeraldino.

O último clube do treinador havia sido a Chapecoense, que o demitiu no dia 27 de maio, após a perda do Campeonato Catarinense para o Avaí.

Leia mais

Mozart elogia Marcelo Moreno e Marcinho e afirma que conta com os jogadores para a Série B

Cruzeiro anuncia a contratação de ex-atacante do Palmeiras para o time sub-20